Vivam os “Caminhos de Santiago”! (acompanhem-nos diariamente…)

E o dia chegou para o Núcleo Bike do RCSetúbal: Vivam os “Caminhos de Santiago”

Praticamente na sequência da criação do Núcleo Bike do Rotary Club de Setúbal, no dia 10 de novembro de 2020, e pelo prazer que as primeiras iniciativas proporcionaram a todos os praticantes, surgiu a ideia de uma ida / peregrinação a Santiago de Compostela (Galiza / Espanha) pelos caminhos cicláveis utilizados pelos peregrinos.

A ideia foi amadurecendo e rapidamente foi reconhecido por todos a necessidade de se efetuarem treinos que permitissem uma performance adequada a uma tal “Odisseia”.

Os decorrentes constrangimentos de deslocação de pessoas entre localidades, devido à pandemia da Covid 19, com a excepção dos utilizadores de bicicletas, ajudou a desenvolver a utilização de bicicletas por todo o país e no nosso RCS veio mesmo a calhar.

Este movimento de deslocação alternativa, saudável e amiga do ambiente veio combinar às mil maravilhas com o prazer que todos os praticantes foram sentindo, particularmente ao descobrirem novos trilhos ou caminhos por vezes pouco conhecidos, sempre com os olhos nos Caminhos de Santiago.

O sonho tornou-se um “projecto” concreto, com calendário preciso, com locais de pernoita marcados, todos sempre com um olho no conta-quilómetros, para que cada troço não excedesse o desejável, e o outro na capacidade de conciliar esforço, capacidade física e possibilidade de visita a locais de referência ambiental, paisagística ou cultural, que ajudassem a reforçar os laços de companheirismo entre os praticantes e os elementos de apoio envolvidos no projecto.

Também, logo de início, foi definido que a “peregrinação”, propriamente dita, se iniciaria no Porto, fazendo-se o trajecto Setúbal – Porto em carros de apoio.

Foi assim, com naturalidade, que no dia 22 de junho (3ª feira) os participantes nesta jornada, ao longo de meses desejada e preparada, se fizeram à estrada, ainda nos carros de apoio referidos, para um primeiro percurso entre Setúbal e o Porto.

Esperamos que dia-a-dia possamos ir dando notícias desta actividade que, por certo, ajudará a fortalecer os laços de companheirismo no RCS e a encher de “inveja”, leia-se “boa e saudável inveja”, todos os que por motivos diversos não puderam participar.

Fica para a próxima!

Boa viagem e boas aventuras para os Peregrinos.

Saúde para todos nós.

E agora venham algumas das imagens dos primeiros dias.

Partida do 2º Grupo
Esta a T-shirt Oficial do evento
A equipa já toda junta
Agora é que vai começar a sério a “Aventura”. Boa viagem!
A equipa de Bikers e a sempre presente fotógrafa de serviço, a amiga Dália

Começo da jornada com as boas vindas do Past Governador Artur Lopes Cardoso e da Presidente do Rotary Club de Vila Nova de Gaia.
Receção em Barcelos pelo Rotary Club local.

Continuação de Boa Viagem, Muitas Aventuras e Muita Saúde.

Ficamos à espera de mais notícias.

VIVAM OS CAMINHOS DE SANTIAGO!

Depois de expressarmos os nossos desejos de Boa Viagem e de recebermos mais notícias, os mesmos tiveram eco, tendo-nos chegado a promessa de crónicas diárias das actividades, da responsabilidade do nosso Presidente Vale Rego, com as fotos da nossa Companheira Honorária, Dália.

Assim, passaremos diáriamente a apresentar as crónicas que nos forem enviadas, informando que as mesmas poderão ser também vistas no site Portugal Rotário, recomendando-vos que aproveitem também para ver outras notícias sobre Rotary aí publicadas.

E passemos à apresentação das já referidas crónicas diárias.

As primeiras três crónicas, não incluirão as fotos que tenham sido publicadas anteriormente, para não haver uma dupla reprodução das mesmas.

Fiquem bem, fiquem com os nossos Companheiros Peregrinos nos “Caminhos de Santiago”

Crónica do 1ª Dia

O Caminho de Santiago em Bicicleta

  1. jun.21
    “Em Setembro passado, foi formado o Núcleo Bike do Rotary Club de Setúbal, que teve a imediata adesão de
    vários companheiros praticantes e o apoio de outros.
    Iniciaram-se encontros semanais para passeios na cidade, muito apreciados e entusiasmantes. Mais tarde, em
    novembro, começou a saber a pouco. Além de se passarem a realizar passeios mais extensos e de maior
    dificuldade, sentiram, os do Núcleo, que precisavam de algo maior, mais ambicioso. E nasceu o projecto de O
    Caminho de Santiago.
    Aceite sem reservas por todos, iniciaram-se os preparativos e o planeamento, sendo definido que junho de
    2021 era o tempo para se ir.
    E neste 22 saiu-se de Setúbal para o Porto, para aí se iniciar a aventura de chegar a Santiago de Compostela
    pelo Caminho Central Português, via Barcelos, Ponte de Lima, Valença e, depois, até Finisterra.
    Quatro ciclistas e quatro apoiantes, seus familiares, aqui vamos…”

Alberto Vale Rêgo
Rotary Club de Setúba
l

Partida de Setúbal do 1ª Grupo de Companheiros Peregrinos

Crónica do 2º Dia

23.jun.21
Ansiedade no máximo conduziu à decisão de iniciar o Caminho em Vila Nova de Gaia, a seguir aos encontros de
saudação rotária com a Presidente do clube local, Comp. Ana Margarida Povo e com o Comp. PGD Artur Lopes
Cardoso, com troca de lembranças entre os Presidentes.
Percurso entre a Sé do Porto e Barcelos longo e com trechos de mau piso, que penalizaram os peregrinos ciclistas,
mas não lhes tiraram o prazer de saborear o apetitoso e excelente galo na forca, especialidade barcelense
celebrada por todos ao jantar.
Merece referência a passagem por São Pedro de Rates, com a sua muito interessante igreja românica do século
XII e o documento em pedra das fases por que passou esta vila, que completa 1000 anos em 2022.
Recebidos pela Presidente Manuela Briote da Silva e outros Companheiros do RC de Barcelos, retribuímos a
amizade rotária e as lembranças que nos ofereceram com as nossas e agradecemos os votos de Bom Caminho.

Alberto Vale Rêgo
Rotary Club de Setúbal

Marcos de Rates

Crónica do 3º Dia

24.jun.21
Dia de feira em Barcelos, com barracas montadas no largo em frente ao hotel onde dormimos. Partida para a
etapa até Ponte de Lima, já tarde de manhã, com calor forte.
Percurso, em geral, fora da estrada principal, milheirais verdes bem desenvolvidos, caminhos, em certos troços,
pedregosos a exigir marcha com a bicicleta pela mão. Encontros ocasionais com outros peregrinos a pé e, a certa
altura, com um fotógrafo do site oficial de o Caminho, que solicitou permissão para usar a imagem dos ciclistas
rotários. Chegada a Ponte de Lima tarde avançada.
Antes do jantar, encontro com Companheiros do RC Ponte de Lima, com a simpatia contagiante da Presidente
Cristina Cunha a dar as boas vindas e a oferecer os seus préstimos para o que fosse preciso. Proposta de
emparceiramento entre os dois clubes, que ambos decidimos explorar.
Jantar de pratos minhotos, a servir de suporte à reunião semanal, via Zoom, do RC Setúbal, a última do ano
rotário de 20/21.

Alberto Vale Rêgo
Rotary Club de Setúbal

Saída de Barcelos
Percurso: Barcelos – Ponte de Lima
Com os Companheiros de Ponte de Lima

Esperamos que a viagem continue a correr bem e ficamos à espera de novas crónicas.

E a verdade é que a promessa foi cumprida e cá temos novas crónicas enviadas pelo nosso “correspondente em viagem”, o nosso companheiro Presidente do RCS, Alberto Vale Rêgo.

Crónica do 4ºDia

25.jun.21

“Pela ponte velha, romana, sobre o Lima, nesta zona, um largo e calmo lago, local de treino de campeões, saímos e, logo, algumas centenas de metros a seguir, nos apareceu o primeiro difícil obstáculo, o caminho inundado por mais de um metro de água, que obrigou a passar as bicicletas em ombros. Depois, um percurso difícil, por trilhos e azinhagas, ao longo do rio Labruja. Depois, uma dura subida até ao topo da serra da Labruja, em que, em cerca de 3 km se sobe até mais de 400 metros de altitude. Pisos pedregosos e irregulares, também a descer, tornam os mais de 20 km até Rubiães, onde almoçamos, um dos troços mais esgotantes do Caminho Central Português. Continuamos para Valença, cansados e, batidos por sol escaldante, tendo chegado a meio da tarde.

Antes do jantar, fomos recebidos com um vinho de cortesia e uma mesa de petiscos pelos Companheiros do RC de Valença, com o seu Presidente, Tiago Alves, a saudar-nos com grande simpatia e estima e todos a brindar-nos com a tradicional forma minhota de boas vindas.

Alberto Vale Rêgo
Rotary Club de Setúbal

E aqui as fotos alusivas ao percurso atrás referido

Encontro entre os Companheiros dos Rotary Club de Valença e Setúbal
Partida de Ponte de Lima para Valença do Minho
Percurso Ponte de Lima – Valença

Crónica do 5ºDia

26.jun.21

“Saída de Valença, percorrendo as ruas empedradas da Fortaleza e entrando em Espanha pela Ponte rodo-ferroviária sobre o rio Minho, inaugurada em finais do século dezanove e ainda operacional. Chegados a Tui, fomos visitar a interessante Catedral românica do século XII e fizemo-nos ao caminho, que a etapa até Pontevedra é das mais longas e difíceis.

De facto, tivemos de subir íngremes ladeiras de pedras muito irregulares e que obrigaram a seguir a pé, caminhando penosamente de bicicletas pela mão. A seguir, terminados os caminhos de pedras, outros nos surgem, desta vez de raízes duras, como troncos e, novamente, andados a pé.

O almoço a meio caminho, mesmo vegetariano, permitiu retemperar forças e ânimo para chegarmos a Pontevedra já depois do meio da tarde, com mais de 9 horas a andar. Na parte final, a um dos peregrinos era preciso amparar com cuidado para montar e arrancar na bicicleta. Mas, vontade forte para terminar o Caminho não falta e, amanhã, partimos às 9 … “

Alberto Vale Rêgo
Rotary Club de Setúbal

E agora as habituais e esperadas “Fotos do Dia”…

Este é que é o “Caminho das Pedras”?
Parece fácil? Pois! Pois!
Mais a andar de bicicleta ou de bicicleta às costas?

Crónica do 6ºDia

27.jun.21

“Dia fresco, óptimo para pedalar. Saímos cerca das 10 horas para chegar a Padrón. Cerca de 50 km, calmos e sem importantes obstáculos ou difíceis caminhos, mas ricos de belas paisagens campestres, cursos de água límpida, abóbadas de árvores e latadas verdes, que tornaram a viagem agradável e relaxante. Disse um dos peregrinos que podia meditar enquanto pedalava.

O almoço descansado e em alegre companheirismo em Caldas de Reyes, preparou o último troço do Caminho até ao destino do dia.

Jantar de pratos galegos, apenas perturbado pela derrota da nossa equipa. Mas, ao desejarmos boa noite, já todos só pensamos na chegada de amanhã a Santiago de Compostela.

Alberto Vale Rêgo
Rotary Club de Setúba
l

Embora neste momento ainda não tenhamos recebido a Crónica do Dia, já nos chegaram os ecos da Vitória.

Para já, aqui fica o primeiro comentário do nosso Companheiro José Coelho:

“Realizámos o nosso primeiro objectivo – chegar a Santiago de Compostela. Falta Finisterra.”

E algumas da fotos do Companheiro Frederico Nascimento

Comentário do Cº José Coelho: “Realizámos o nosso primeiro objectivo – chegar a Santiago de Compostela

BRAVO! PARABÉNS!

Obrigado a todos pelas imagens e pelas mensagens que nos enviaram.

BOM DESCANSO!

E tendo já recebido a “Crónica do Dia”, ela aqui fica como memória de um dia inesquecível.

Crónica do 7ºDia

28.jun.21

“Anuncia-se percurso fácil na curta distância até ao objectivo principal. Todos, peregrinos ciclistas e apoiantes, sentem a certeza de que estes 25 km finais até à praça do Obradoiro, onde se impõe a magnífica Catedral de Santiago de Compostela, serão um passeio a premiar as agruras e as dificuldades dos dias anteriores. E assim foi.

Ali chegados, saudaram com alegria e prazer terem realizado o plano de há meses e sentirem que, vencendo dores, cansaço e calor, estão bem vivos e fortes.

A Compostela que receberam, é o reconhecimento merecido dos quatro bravos –Maria Aida Silva e marido José Flórido, Frederico Nascimento e José Coelho, que usarão com orgulho, a ilustrar as histórias desta viagem inesquecível enquanto viverem.”

Alberto Vale Rêgo
Rotary Club de Setúbal

Parte desta crónica estará disponível e também reproduzida no espaço “Compostela já cá Canta!”

Neste novo espaço será apresentado o dia de descanço (29 de junho), eventualmente sem crónica e saída de dia 30 para Finisterra.

Para tod@s, particiopantes peregrinos, equipa de apoio aos mesmos e leitores, um Grande Abraço e Votos de Muita Saúde e Boa Disposição.

Vivam os Caminhos de Santiago!!!